Conexão Morro e Asfalto: Escola de Música do Spanta Neném promove Festival Movimenta! no Santa Marta

0
317

Conexão Morro e Asfalto: Escola de Música do Spanta Neném promove Festival Movimenta! no Santa Marta

“Precisamos fazer alguma coisa pelas pessoas daqui”. Foi com esse pensamento, que os diretores do bloco Spanta Neném fundaram, em 2009, a Escola de Música do Spanta Neném (EMS) e é em grande estilo, que comemoram 8 anos de existência. Para mostrar ao público o resultado do trabalho dos alunos, a Escola promove no dia 16/09, no morro Santa Marta, o Festival Movimenta! O evento reunirá exposição cultural, roda de conversas, teatro, gastronomia local e muita música. Projetos sociais, grupos artísticos e artistas convidados farão a conexão com o público.

Música, bate-papo e diversas atrações

O Festival Movimenta! irá integrar diversas formas de produção artística e cultural em um só evento, mostrando ao público todo o trabalho desenvolvido ao longo do último ano pelos alunos do projeto.

Entre as atrações estão o “Nosso Cantinho” onde serão expostos, em um formato de livre de expressão, todos os conteúdos gerados na EMS: desenhos, poesias, vídeo e fotos de apresentações e atividades.

A roda de conversas, batizada pelos alunos de “Papo Reto”, é umas das atividades mais esperadas do evento. Além dos próprios alunos, o bate papo contará com a participação da atriz Malu Mader e do diretor teatral Guti Fraga. Participarão também algumas lideranças comunitárias responsáveis por ecoar o nome da favela dentro e fora dela. Podemos citar Zé Mário (Presidente da Associação de Moradores) e Itamar (Grupo Eco); e os dirigentes de iniciativas sociais Rodrigo Belchior, Tiago Cosmos e seus respectivos grupos artísticos. Além de apresentações musicais, o festival vai contar também com atrações gastronômicas que ficarão sob a responsabilidade dos comerciantes locais.

Encantada com a Escola de Música do Spanta, a atriz Malu Mader convoca os cariocas a participarem do Festival Movimenta! “Eu fico muito feliz em apoiar e estar presente na Escola de Música do Spanta, acompanhando a evolução das crianças e jovens a cada novo encontro. A EMS explora, além da música, as mais diversas formas de manifestações artísticas e transforma positivamente a vida desses jovens. Fica aqui o meu convite para virem no dia 16/09 a comunidade do Santa Marta, na praça do Cantão, conferir, se emocionar e apoiar essa iniciativa. Nos vemos lá!”

 

Uma história de inclusão através da arte

Atualmente, a Escola de Música atende mais de 80 alunos do Santa Marta e entorno da comunidade. O projeto oferece aulas de cavaquinho, violão, guitarra, flauta doce, flauta transversa, trombone, trompete, percussão, bateria de escola de samba, teoria musical, canto e coral, artes cênicas e práticas em conjunto. Atividades experimentais de audiovisual, comunicação social, cenografia e figurino, produção e design gráfico também fazem parte do currículo.

Voltado para jovens em vulnerabilidade social, o projeto utiliza a música como instrumento de inclusão para o empoderamento de crianças e adolescentes de sua comunidade. Humanização das relações, autoestima, acesso à cultura e à cidadania são alguns dos benefícios deste projeto que enfrenta uma cidade, um estado e um país deficientes em políticas sociais.

Para compor a formação musical dos alunos, são propostas aulas de coach vocacional, rodas reflexivas, acompanhamento escolar, workshop com profissionais de diversas áreas, eventos culturais promovidos pela própria escola, visita a espaços culturais e intercâmbio com instituições de ensino (colégios particulares, faculdades e outros projetos sociais).

O acompanhamento junto às famílias é essencial para que os objetivos sejam conquistados. A cada três meses é realizada uma reunião com os pais e responsáveis dos alunos para compartilhamento de todos os conteúdos e avaliação do que já foi trabalhado.

“Muito além de levar cultura e entretenimento ao Santa Marta, a realização do festival Movimenta tem o propósito de mostrar às pessoas a força que a comunidade possui. Todo esse potencial criativo, individual e coletivo, reflete em oportunidade, autoestima e desenvolvimento de mais de 80 crianças e jovens. Queremos ir na contramão do que normalmente escutamos e mostrar que a favela também é reduto de acontecimentos incríveis.” Finaliza Henrique Castro, Coordenador da EMS.

 

Serviço

Dia: 16/09/2017

Horário: 12H às 18H

Local: Praça do Cantão – Morro Santa Marta

Entrada franca

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz