FGV EESP debate o mercado de arte no Brasil

0
164

FGV EESP debate o mercado de arte no Brasil

FGV EESP debate o mercado de arte no Brasil
FGV EESP debate o mercado de arte no Brasil

O evento será quinta (10), a partir das 19h30, com João Carlos de Figueiredo Ferraz, colecionador, presidente da Fundação Bienal e Aloisio Cravo, leiloeiro oficial em São Paulo.

O Centro de Estudos em Investimentos FGVInvest da Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV EESP) promove na quinta-feira (10), às 19h30, um debate sobre o mercado de arte no Brasil. A ideia é traçar um panorama do setor, abordar as particularidades e as perspectivas, além de mostrar como nos inserir neste universo.

Entre os palestrantes: João Carlos de Figueiredo Ferraz, colecionador, presidente da Fundação Bienal e fundador e presidente do Instituto Figueiredo Ferraz e Aloisio Cravo, leiloeiro oficial em São Paulo com mais de 35 anos de experiência no mercado de arte brasileiro. A mediação fica por conta do Rafael Cravo.

Serviço

Mercado de arte no Brasil

Data: 10 de maio

Horário: 19h30

Local: FGV – Rua Itapeva, 432 – 4° andar – Salão Nobre.

Sobre a EESP – criada em 2004, a Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (FGV/EESP) tem a missão de contribuir para o desenvolvimento do país por meio do conhecimentoda relaidade brasileira e do fortalecimento da identidade nacional. A EESP oferece cursos de graduação, pó-graduação acadêmica e profissional, de educação continuada e de especialização em Economia. A EESP também é um centro de excelência em pesquisa e no ensino das Ciências Econômicas no Brasil, sendo reconhecida como tal pelas mais diferentes organizações nacionais e internacionais.

  • Possui 12 Centros de Estudos e Pesquisa
  • 1º Lugar do Brasil no ranking da Ideas Economic and Financial Research dos últimos 10 anos;
  • 1º lugar do Brasil no ranking nacional do IGC/MEC;
  • Melhor escola do país, segundo IGC/MEC de 2014;
  • Melhor curso de graduação entre todos os cursos de graduação do Brasil, segundo o Enade;
  • Nota máxima na avaliação do Enade do curso de Economia;
  • Nota máxima na avaliação Capes para os cursos de Mestrado Acadêmico, Doutorado e Mestrado Profissional em Economia.Veja mais em: http://eesp.fgv.br/

Informações à imprensa:
Insight Comunicação –
tel. (11) 3284-6147

Luana Magalhães 
Gisele Ribeiro
Claudia Izumi

FGV EESP debate o mercado de arte no Brasil

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of