Diretores franceses exibem performance “Híbridos, os espíritos do Brasil – cinema ao vivo” na Mostra Cinemão ZN

0
507

 

Mostra Cinemão Z.N. exibe performance “Híbridos, os espíritos do Brasil – cinema ao vivo”

Mostra exibe filmes em janeiro de forma gratuita em espaços públicos e populares da Zona Norte da cidade

O projeto Cinemão exibirá no próximo dia 27 de janeiro, sábado, às 19h30, a performance “Híbridos, os espíritos do Brasil – cinema ao vivo”. A performance será exibida de forma gratuita durante o encerramento da Mostra Cinemão Z.N., que exibiu curtas e longas metragens nos bairros de Vila Isabel, Engenho de Dentro e Méier durante o mês de janeiro. Os moradores da Zona Norte tiveram a oportunidade de assistir filmes premiados de animação, documentário e ficção, exibidos em praça pública num supertelão inflável.

O projeto transcinema “Híbridos, os espíritos do Brasil”, dos diretores franceses Priscilla Telmon e Vincent Moon,  é um estudo experimental e etnográfico sobre a cultura espiritual do Brasil atual. Além disso, o projeto é uma pesquisa sobre as formas de fazer cinema hoje que se desdobra em 4 formatos: o site http://hibridos.cc/, as instalações site-specific, o longa metragem e as performances de cinema ao vivo.   

Durante a mostra Cinemão será exibida essa performance. O diretor, Vincent Moon, edita o filme ao vivo e espontaneamente enquanto a diretora, Priscilla Telmon, realiza interferências com voz e instrumentos, criando um novo filme a cada apresentação e tecendo uma espécie de “ritual cinematográfico”. 

Essa é a primeira vez que o projeto será realizado em espaço público no Rio de Janeiro e o evento inaugura o calendário de lançamento do documentário, que estreia em março. 

Segundo os realizadores, fazer tal performance numa praça pública aberta a todos e gratuita, é a forma mais bonita de apresentar Híbridos. Não poderia ter forma melhor de fazer cinema.   

Sobre o Cinemão
O Cinemão é uma rede exibidora popular. É uma sala de cinema móvel. Trata-se de uma carro aparelhado para exibição de filmes, equipado com projetor de alta performance, supertelão inflável, sistema de som, cadeiras e pipoqueira. 
Este projeto está em atividade desde 2010 e protagoniza o maior número de intervenções cinematográficas em espaços públicos no Rio de Janeiro. 
O objetivo principal é democratizar e promover o cinema brasileiro de forma prática, gratuita e eficiente. O projeto exibe uma produção nacional (curtas e longas de todos os gêneros) de forma democrática e acessível, atendendo a toda e qualquer população. Também faz parte deste projeto a realização de oficinas de audiovisual para crianças e adolescentes.
A partir de acordos com distribuidores nacionais, o Cinemão funciona como uma importante janela para democratização do cinema brasileiro. O Cinemão realiza oficinas de audiovisual e usa tecnologia própria por meio de um aplicativo para o estímulo de construção de narrativas populares. 
Com o intuito de difundir ainda mais as realizações propostas e atuar no processo de formação de plateias para o cinema nacional, tanto a exibição dos filmes e as oficinas possuem entrada franca em todas as suas atividades.
Para Cid César Augusto, idealizador e diretor do projeto, o Cinemão é uma excelente janela para essa intensa e vibrante produção nacional:

“Em 2018, junto com a RioFilme, vamos desencadear a maior ação de democratização do cinema nacional realizada nesta cidade. O cinema vai encontrar o povo!”, comemora o diretor.

Sobre o Leão Etíope do Méier

A facção cultural “Leão Etíope do Méier” atua desde janeiro de 2014, majoritariamente na Praça Agripino Grieco – Méier/RJ, com uma programação gratuita de múltiplas linguagens artísticas. Os eventos hospedam, sob curadoria do grupo, shows de artistas nacionais e internacionais, exposições, um cineclube, performances artísticas, circenses, teatrais e de dança. Completando mais de oitenta edições em três anos de atividades, o Leão se consolidou como um palco a céu aberto na zona norte da cidade abrigando quase duzentos artistas durante esse período.

A Mostra Cinemão Z.N. tem patrocínio da RioFilme e Secretaria Municipal de Cultura.

Serviço: Mostra Cinemão Z.N. – Montagem exclusiva do documentário “Híbridos, Os espíritos do Brasil –  cinema ao vivo”

Dia 27/1, sábado, às 19h30

Parque Agripino Grieco – Méier.

Evento gratuito.

Classificação: livre.

RoMa in Press – Roberta Mattoso Comunicação & Imprensa

Festival anuncia segundo palco para os 12 shows.

 

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of